Skip links
Advogado Criminalista bom e barato

Advogado Criminalista bom e barato?

Share

Seja quando vamos comprar um celular, uma televisão ou uma casa, sempre me importamos principalmente com um detalhe: o custo-benefício daquele bem. Ou seja, ele vale o preço que está sendo proposto? Este texto busca mostrar como um serviço muito barato pode sair caro e, um mais caro pode ser bem barato. Vamos lá.

  1. Por que pagar barato pode sair tão caro.

Sem sombra de dúvidas, um dos bens mais preciosos ao ser humano é a sua liberdade. Poder fazer o que quiser, quando quiser é algo maravilhoso, não é mesmo? Agora, imagine que você está sendo processado criminalmente por um crime grave. Qualquer passo em falso pode levar a uma condenação e você poderá perder esse bem por muito tempo.

Pois é, para não correr esse risco é fundamental que se evite mesquinharia no momento de se procurar um advogado. Afinal, aqueles que irão lhe propor o menor preço são normalmente os que farão o pior trabalho. O porquê disso? Então, nos processos criminais, em regra, o advogado fecha o valor que irá receber logo após receber o cliente e este lhe explicar o seu caso. O contrato é proposto normalmente sem uma penalização ao defensor se o réu não for absolvido, ou seja, ganharemos da mesma forma. Ocorre que, convenhamos, se você irá receber pouco independemente do trabalho que faça, por que iria querer se dedicar ao caso por mais de alguns minutos?

Agora, você já deve ter entendido onde quero chegar. O advogado mal pago não terá a disposição necessária para redigir as melhores peças defensivas em seu nome para uma ótima defesa. Logo, a sua liberdade corre ainda mais perigo.

Para se ter ideia, imagine que por conta da atuação desastrosa do seu primeiro advogado você foi condenado em primeira instância? Aí você percebe que ele não agiu com zelo e resolve contratar um outro profissional para fazer sua defesa. Percebe que poderá pagar duas vezes um valor que poderia ter sido o suficiente para um contratar um profissional de qualidade, qual poderia inclusive impedir a condenação em 1ª instância?

  1. Por que o serviço de excelência exige um custo mais alto?

Para ser um advogado Criminalista bom e barato, não basta ter sido apenas um aluno dedicado nas matérias de direito penal e processo penal na faculdade, a atuação exige muita mais. Um bom advogado da área estará sempre atento às mais novas atualizações legais; assim assinará diversas revistas e comprará incontáveis livros sobre o tema para que não deixe escapar um mísero detalhe que pode ser usado em uma boa defesa. E não para por aí, irá acompanhar todos os dias os tribunais estaduais e superiores para guardar as decisões que poderão ser utilizadas em futuras peças para que os clientes possam melhorar a sua situação. Não satisfeito, o bom criminalista irá buscar ler os mais variados artigos da temática penal para que saiba teses, o que pode criar para impressionar os juízes e levar a uma absolvição.

Não o bastante, deve ser um serviço impecável para os clientes em todos os sentidos. Assim, o seu escritório será construído de maneira a deixar aquele que procura os seus serviços sempre a vontade e aconchegado. Preocupar em manter o local sempre devidamente limpo e cheiroso para passar uma sensação de tranquilidade a quem o visita, ainda que esta pessoa esteja passando pelo momento mais conturbado de sua vida. Além disso, sempre estará disponível para responder seus clientes, se não pessoalmente, virtualmente ou passando essa responsabilidade a alguém qualificado para assim fazer. 

Nem tudo que é bom custa caro, mas nesse cenário descrito, um custo mais elevado se justifica por ser um forte indício de que você será tratado da melhor maneira possível e seu processo será levado muito a sério.

Conclusão: Advogado Criminalista bom e barato

Com esse texto, você pode perceber como um bom advogado se diferencia do medíocre. Quer saber como isso ocorre na prática, procure nossos serviços. Estaremos sempre 100% à disposição de você. Entre em contato.