Skip links
O que faz um advogado criminalista?

O que faz um advogado criminalista e quanto ganha

Share

Você sempre quis atuar na área do direito e o segmento que mais te atrai é a criminal? Mas sabe o que faz um advogado criminalista? Entende realmente as suas obrigações? 

Esse profissional defende clientes que estão sendo acusados de cometer algum tipo de crime. Independente do crime que o cliente cometeu, é de função de o advogado criminalista buscar uma defesa justa e dentro da lei. 

Há muitas dúvidas sobre o que faz um advogado criminalista. Afinal, são vários segmentos dentro do direito e acaba confundindo muitos. Portanto, continue acompanhando o texto e entenda mais sobre essa área profissional.

Afinal, o que é o direito penal?

Dentro do direito existe o segmento penal, responsável pelo poder punitivo das ações e comportamentos considerados graves à sociedade. Portanto, a atuação dessa área envolve a violação das leis no âmbito de pessoas físicas e jurídicas. 

O principal objetivo do direito penal é proteger os bens jurídicos fundamentais como a vida, liberdade e a propriedade. Além de assegurar o direito do ser humano.

O direito penal se baseia em fontes, sendo as principais o Código Penal, Código de Processo Penal e legislação penal complementar. Como auxiliares podem ser citadas a jurisprudência e a de doutrina. 

Quantos anos para se formar em direito criminal?

O curso de direito no Brasil dura 5 anos. Após a conclusão do curso, o bacharel em direito pode se inscrever no exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para obter a carteira de advogado.

Após a aprovação no exame da OAB, o advogado pode se especializar em diversas áreas do direito, incluindo o direito criminal. A especialização em direito criminal pode ser feita em cursos de pós-graduação, como mestrado ou doutorado.

Qual a função de um advogado criminalista?

O advogado criminalista é o profissional responsável por defender os direitos e interesses de pessoas acusadas de crimes. O advogado criminalista atua em todas as fases do processo criminal, desde a investigação policial até o julgamento.

As principais funções do advogado criminalista são:

  • Orientar o cliente sobre os seus direitos e obrigações;
  • Representar o cliente perante as autoridades policiais e judiciais;
  • Recorrer das decisões judiciais;
  • Negociar acordos com o Ministério Público;
  • Acompanhado o cliente no cumprimento da pena, se for condenado.

Qual a diferença de advogado para advogado criminalista?

A diferença entre advogado e advogado criminalista é a área de atuação do profissional. O advogado é o profissional habilitado para exercer a advocacia, enquanto o advogado criminalista é o profissional especializado na área do direito criminal.

O advogado pode atuar em diversas áreas do direito, como direito civil, direito trabalhista, direito previdenciário, direito tributário, etc. O advogado criminalista, por sua vez, atua exclusivamente na área do direito criminal.

O que um advogado criminalista precisa saber?

Um advogado criminalista precisa saber:

  • O direito penal: o ramo do direito que define os crimes, as penas e as medidas de segurança;
  • O processo penal: o ramo do direito que disciplina o procedimento criminal;
  • A criminologia: o estudo do crime e do criminoso;
  • A psicologia criminal: o estudo da mente do criminoso;
  • A técnica de interrogatório: a arte de interrogar testemunhas e acusados;
  • A oratória: a arte de falar em público;
  • A ética: o conjunto de normas morais que devem ser seguidas pelo advogado.

Além disso, o advogado criminalista precisa ter um espírito crítico e investigativo, pois precisará analisar e interpretar leis, doutrinas e jurisprudência. O advogado criminalista também precisa ter um forte senso de justiça e empatia, pois precisará defender os direitos de pessoas acusadas de crimes.

Saiba o que faz um advogado criminalista

O papel do advogado da área criminal é lutar para que a lei seja cumprida de forma correta. Mas para isso, o profissional precisa estudar as leis, preparar corretamente as argumentações, a entrevista das testemunhas e aconselhar o seu cliente corretamente para que o seu depoimento seja positivo. 

Além disso, o advogado criminal fica responsável por reunir contraprovas, fazer o pedido de liberdade, progressão de pena e entrar com os recursos necessários. Portanto, é uma área repleta de detalhes que precisam de muita atenção.

Um advogado criminalista precisa de habilidades como respeito à ética profissional, ter foco no cliente, boa comunicação, bom senso, dinamismo e amplo conhecimento sobre as leis. No entanto, é recomendado que o profissional tenha uma postura mais combativa, mas sem se tornar agressivo. 

Advogado Criminalista BH

Onde atua um advogado criminalista?

Normalmente, um advogado da área criminal atende seus clientes em um escritório particular. É nesse local que ele prepara e estuda os processos. Muitas vezes ele necessita ir aos fóruns ou espaços equivalentes para protocolar seus pedidos. No entanto, para defender os seus casos, é necessário ir para o tribunal. 

Caso o cliente esteja preso, o advogado tem o direito de visitá-lo no local da detenção. É importante esse contato para que o profissional possa ouvir seu cliente e passar todas as informações referentes ao processo. Bem como datas de julgamento e como será o seu depoimento.

Porém, há profissionais que atuam na defensoria pública. Mas há uma diferença entre os advogados criminais que atuam particularmente e esses. Os da defensoria pública não podem negar nenhum caso que são enviados a eles. Portanto, cabe ao profissional agir com a máxima ética, independente do crime do seu cliente.

Quanto ganha em média um advogado criminalista?

O salário médio de um advogado criminalista no Brasil é de R$ 4.152,34. Os estados onde a profissão de advogado criminalista têm os melhores salários são Distrito Federal, Rio de Janeiro e São Paulo.

O salário de um advogado criminalista pode variar de acordo com diversos fatores, como a experiência do profissional, a especialização, o porte do escritório de advocacia e o tipo de cliente atendido.

Um advogado criminalista iniciante em um escritório de pequeno porte pode ganhar em média de R$ 3.500,00 a R$ 6.000,00 por mês. Um advogado criminalista que empreende e abre seu próprio escritório pode ganhar em torno de R$ 8.000,00 a R$ 15.000,00 por mês.

Os advogados criminalistas que atuam em casos de grande repercussão ou que envolvem crimes graves, como homicídios ou narcotráfico, podem ganhar honorários muito elevados.

Além dos honorários, os advogados criminalistas também podem receber outras formas de remuneração, como participação em lucros, bônus e premiações.

A seguir, são apresentados alguns fatores que podem influenciar o salário de um advogado criminalista:

  • Experiência: Quanto mais experiente o advogado, maior tende a ser o seu salário.
  • Especialização: Advogados especializados em áreas específicas da advocacia criminal, como crimes financeiros ou crimes de colarinho branco, costumam ter salários mais altos.
  • Porte do escritório de advocacia: Advogados que atuam em grandes escritórios de advocacia costumam ter salários mais altos do que advogados que atuam em escritórios de pequeno porte.
  • Tipo de cliente atendido: Advogados que atendem clientes de alto poder aquisitivo costumam ter salários mais altos do que advogados que atendem clientes de baixa renda.

Gostou de saber o que faz um advogado criminalista? Não se esqueça de deixar o seu comentário.